UROLOGIA

SEJA MAIS FELIZ
Problemas com impotência ou ejaculação precoce?

Quais são as Causas da Impotência?
Nós podemos classificar as causas da impotência, em dois grupos: Causas puramente psicológicas (80% de todos os casos), e causas puramente orgânicas (20% de todos os casos).

Causas Psicológicas
Existem muitas razões para uma causa puramente psicológica da impotência, ela pode começar abruptamente, geralmente após um grande trauma psicológico. Ou, ela pode se instalar gradualmente como resultado da depressão, ansiedade e estresse crônico. Além disso, em muitos distúrbios mentais, a libido sexual e potência podem ser afetadas.

Doença Vascular Periférica
Esta é a causa mais comum da disfunção erétil, porque está correlacionada com muitas doenças sistêmicas que afetam os vasos sanguíneos da região genital, direta ou indiretamente. Doenças crônicas, tais como diabetes mellitus, colesterol alto e outras, levam a destruição das paredes contráteis das veias, ou provocam endurecimento, estreitamento ou bloqueio das artérias que chegam ao pênis. Qualquer falha neste mecanismo de preenchimento, tal como estreitamento das artérias e placas ateroscleróticas (placas de gordura que endurece e obstrui o fluxo de sangue nas artérias), podem conduzir a uma insuficiência erétil. A ereção é mantida por um aprisionamento fisiológico do fluxo de sangue acumulado no pênis, via vasos sanguíneos. Qualquer falha neste mecanismo resulta em ereções menos rígidas.

Medicações e Drogas
Algumas destas drogas promovem impotência por atuar no sistema nervoso central. Outras afetam a intensidade do suprimento sanguíneo do pênis, ou promovem relaxamento dos vasos sanguíneos. Entre elas estão:
– Medicamentos usados para tratar hipertensão arterial;
– Medicamentos usados para tratar depressão e ansiedade;
– Medicamentos usados para tratar distúrbios neurológicos;
– Medicamentos usados para tratar problemas gastrointestinais;
– Medicamentos usados para tratar alergias;
Além disso, o abuso de substâncias, tais como álcool, tabaco, cocaína e outras, é a maior causa de impotência nos dias de hoje.
Mais de 80% dos alcoólatras e dependentes químicos sofrem de impotência sexual crônica. Estudos científicos têm mostrado que fumantes crônicos têm danos importantes no seu sistema suprimento sanguíneo genital.

EJACULAÇÃO PRECOCE

A Ejaculação Precoce ou Prematura (EP) é um dos problemas sexuais mais freqüentes nos homens, sendo responsável por 40% das queixas encontradas em consultórios de terapeutas sexuais. Acontece que a EP é um caso comum na juventude, em encontros com parceiros novos ou após algum tempo de abstinência. Quando se estende pela maturidade e se torna presente em mais da metade dos encontros sexuais, torna-se aí sim, um problema crônico e um Transtorno Sexual.

Como saber se tenho ejaculação precoce?
Não existe um tempo específico antes de ejacular para definir esse problema sexual. A definição está na percepção, tanto sua quanto de sua parceira, de que ejaculação foi mais rápida do que o esperado, de que não houve controle da ejaculação. As vezes o pênis nem chega a enrijecer, somente o movimento de aproximação e o toque do lençol já termina o que podia ser muito bom e prazeroso. Por vezes, o homem mantém a ereção por alguns minutos, começa a penetrar mas logo ejacula, ficando insatisfeito e deixando a parceira “na mão”. Sentimentos de culpa e ansiedade se tornam uma constante. Dificuldades maiores podem vir em seqüência, como a disfunção erétil (impotência) e a perda de intimidade no casal.
Para informações detalhadas sobre esse assuntos procure a Clinileste, podemos te ajudar!

Agende sua consulta com o urologista

START TYPING AND PRESS ENTER TO SEARCH